Subete ga F ni Naru 05 – Um Discurso Sobre Liberdade, Moralidade e a Pureza Humana

post-subete-ga-f-ni-naru-5

Se tem um ponto principal no qual Perfect Insider vem se destacando é a forma pela qual ele trabalha os personagens e o relacionamento entre eles, mais especificamente a Moe e a Magata, traçando paralelos entre elas e ao mesmo tempo as contrastando a medida que a série se aprofunda em cada uma delas. O foco deste quinto episódio foi justamente este ponto mas também se estendendo e se aprofundando na relação entre Moe e Saikawa, e com isso, retomando uma discussão mais profunda acerca da liberdade humana, uma tecla que a série vem batendo desde o inicio.

“Liberdade” foi uma constância durante o episódio. Toda a construção de personagens e relacionamentos entre os mesmos alimentavam uma discussão, mesmo que as vezes de maneira indireta, sobre o termo num geral e como ele refletia nos personagens. Podemos dizer que a série aprofundou os personagens e as suas relações entre si se aproveitando desta discussão mais filosófica que se correlaciona com os anseios, por vezes niilistas, dos personagens.

O contraste de Moe com a Magata é mais uma vez trabalhado em um belo seguimento de conversa entre Moe e Saikawa no qual uma profunda discussão sobre o quanto a moralidade influencia na liberdade humana mostra, correlacionando com os flashbacks da Magata, o quanto as duas personagens tem uma visão de mundo diferente e opostas mas ao mesmo tempo parecidas deixando tudo ambíguo.

Subete ga F ni Naru - 05 [720p].mkv_snapshot_03.05_[2015.11.09_22.52.20][2]

O guardião da Magata diz em um flashback que gostaria de ser livre e morar em lugar isolado. Saikawa demonstra um desejo de ser livre e sair da faculdade. Ambos desejando a liberdade em suas vidas, mas ao mesmo tempo com receios sobre por terem coisas que os prendiam aquela vida que estavam vivendo, como família ou situação financeira. Magata  induziu o seu guardião o qual ela tinha um caso a conseguir a liberdade através da violência lhe dando um punhal no qual ela dizia ser sua chave para ser livre. Moe incentiva Saikawa a realizar seu desejo de ser livre dizendo que ela poderia banca-lo. Neste ponto podemos ver o quanto elas são parecidas, usando de meios disponíveis a seus alcances para fazer com que seu par romântico alcance a tão desejada liberdade. Mas ao mesmo tempo elas se mostram opostas pois em um discurso sobre moralidade Moe diz que jamais aceitaria a liberdade a qualquer preço, como por exemplo se tivesse que matar seus pais para consegui-la, coisa que a Magata aparentemente fez sem nenhum escrúpulo apenas para ser livre.

Colocando esta discussão num âmbito mais geral, a falta de moralidade da Magata é algo implícito se pararmos para pensar que ela criança induziu um homem casado a se relacionar com ela, e que ela, com base num discurso do Saikawa, era uma pessoa imponente apesar da idade e que não aceitaria ordens nem mesmo de seus pais por conta da sua posição de gênio. Enquanto Moe acaba sendo o oposto por estar envolvida em um relacionamento com um cara mais velho, mas ela ser de maior, e em alguns pontos ser discutido regras morais da sociedade com base em ações da personagem, como quando ela é reprendida pelo Saikawa ao manifestar o desejo de fumar mesmo não tendo idade legal para isso.

Com base em anseios morais e usando de pontos de vistas diferentes, tivemos uma reflexão mais profunda de até qual ponto somos capazes de chegar para alcançar a liberdade de nosso confinamento social e ter uma vida voltada a falta de preocupações e até qual ponto as rédeas impostas pela sociedade no que diz ser legal ou não nos impede de ir atrás de realizar nossos mais diversos anseios pessoais. Perfect Insider não quer trazer uma reposta para este tipo de questão, ao meu ver a série gosta de levantar este tipo de discussão para mostrar diferentes tipos de percepções sobre o assunto demonstrando o quanto a natureza humana, apesar de ter bases estabelecidas, também é algo ambíguo que difere de pessoa para pessoa.

Um outro ponto muito interessante do episódio é como o contraste da Moe e da Magata se estende para uma discussão sobre a  pureza humana. Na já citada fantástica conversa entre Moe e Saikawa, o professor diz que Magata é a pessoa mais pura que existe enquanto Moe acha que ela é somente uma pessoa mesquinha. Essa passagem é muito importante pois ela nos apresenta uma visão da personagem Magata com base nos sentimentos de Saikawa e como essa visão se relaciona com o fato apresentado no ultimo episódio de que a Magata tem múltiplas personalidades.

Fazendo um paralelo com uma criança, que considerada filosoficamente como o maior estado de pureza de um ser humano, Saikawa nos diz que quando pequeno, um ser humano possui diversas personalidades que se juntam e culminam em uma só quando ele se torna adulto, e que a Magata resolveu manter estas personalidades conforme cresceu e que isso a tornaria uma pessoa pura. Como citado no episódio, talvez a mente de Magata fosse grande demais para apenas uma personalidade, e talvez isso seja uma forma de liberdade a qual Saikawa admira na doutora, indo conta de padrões impostos o qual o próprio Saikawa abomina como o amor e a ética o qual ele diz que foram criados como desculpas para preencher um certo vazio existencial nos humanos.

A Magata se mostra mais uma vez uma pessoa unica, que além de desafiar moralidade, também desafia padrões comuns da sociedade e da natureza humana. Isso a faz diferente, isso a faz ser o “número sete” já citado em outros episódios como o número que difere de todos os outros números, isso a faz ser o grande mistério desde anime e o quanto sua morte pode ter sido apenas um outro anseio seu pela liberdade, que além de desafiar tudo já citado, ela também pode ter desafiado a morte em busca de se libertar.

No mais o misterioso “roxo” citado no episódio anterior se relaciona com a cor da roupa a qual Moe estava usando quando perdeu seus país. O episódio, além de toda a discussão gerada, nos mostrou que a Moe pode estar se tornando uma Magata e que existe algo denso sobre sua personagem que não sabemos, uma peça que a conecta diretamente com a Magata e possivelmente é a chave para todo o mistério. Será que a Moe também sofre de múltiplas personalidades? Como foi que ela perdeu seus pais? A Magata tem alguma relação com seu passado?

Mais perguntas, mais mistérios que me deixam com ainda mais vontade de assistir este anime e me fazendo ter boas expectativas para que virá seguir me deixando feliz por ver que a série não está sendo somente algo pretensioso, e sim que ela esta procurando abordar assuntos mais profundos e filosóficos e criando discussões a medida que todo os mistérios e os personagens são construídos. Devo dizer que o episódio desta semana de Perfect Insider acabou sendo o melhor da série até o momento trazendo e que trouxe tudo do melhor que o anime tem a oferecer.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s